E.C.Nickel

Paranaense de São José dos Pinhais (Município da Grande Curitiba), Eloir Carlos Nickel teve suas primeiras HQs publicadas pela Grafipar de Curitiba e logo após começou a criar quadrinhos para a Editora Vecchi, na linha de Terror e FC, nas revistas Spektro, Sobrenatural e Pesadelo. Na ICEA, editora de Campinas/SP desenhou dois números de Os Guerreiros de Jobah e várias HQs avulsas. A fase mais prolífica foi na Press Editorial, com Ofeliano de Almeida e Franco de Rosa, sempre na linha Terror/FC. Teve um roteiro, com desenhos de Mozart Couto, publicado em Aventura e Ficção nº 17, da Editora Abril.

Em 2002 criou o personagem Ultrax, um super-herói brasileiro no estilo clássico, em cujas histórias presta sua homenagem à influência dos grandes artistas da Marvel como Jack Kirby, John Buscema, Gene Colan e Barry Smith e à cultura pop em geral.

Seus trabalhos mais recentes incluem parcerias com os roteiristas Alexandre Lobão e Aleph Ozuas.

Atualmente está disponibilizando Scans do seu trabalho em seu site pessoal.

Bruxismo

Meu novo blog agora é o Bruxismo. Transferi para servidor próprio e mudei o foco do blog. O novo endereço é:
http://bruxismo.ciberarte.com.br/.
Estou experimentando o WordPress neste novo blog, com um template padrão, pois ainda não tive tempo de desenhar um novo template. Por enquando ainda vou manter o Cronopios no Blogger, mas pretendo transferi-lo para a Ciberarte também. Ah sim, não posso esquecer da nova edicção do Satunsat, que está começando a ganhar corpo. Como podem ver, é o mesmo layout do Bruxismo, mas isso será por pouco tempo.

Google Publication Ads

E o Google ataca novamente, dessa saltando do mundo virtual para as publicações de papel. O novo serviço oferecido pela empresa ainda está em fase piloto e está sendo oferecido apenas para alguns usuários convidados. Com o Google Publication Ads você seleciona uma publicação impressa; cria seu próprio anúncio; envia o pedido e voila, é só ficar aguardando a fatura do Google. Mais um lançamento da empresa mais importante de tecnologia do momento, que não para de crescer e já causa mais medo ao tio Bill do que o Linux, ou você ainda não ouviu falar do GooOS, o sistema operacional do Google? Mas isso é assunto para outro post…

Conexão a jato…

O cenário de conexão banda larga no Brasil está ficando cada vez melhor. Nada como uma boa competição para abaixar os preços e aumentar as velocidades de conexão. Depois do plano “Mega Flash” da Virtual, que promete 2, 4 e até 8 Mbps de velocidade de download por preços baixos, o serviço ADSL Speedy, da Telefonica, começou a oferecer o pacote “Speed Nitro”, com velocidade de 8 Mbps e o mesmo preço da concorrente para esta velocidade: R$ 199,99. Mas antes de festejar é importante salientar uma limitação dos planos das duas empresas. Tanto o Mega Flash 8 Mbps quanto o Speedy Nitro tem o limite de download mensal de 60Gb. Parece ilógico e é certo que muitos usuários vão acabar extrapolando esta cota, o que acabará gerando custos extras. Minha avaliação, no entanto, é que estes pacotes continuam interessantes para a grande maioria de usuários, que não pretende ficar baixando arquivos 24 horas por dia. Mas os protestos já começam a aparecer, como esta reclamação a respeito do Speed Nitro, por exemplo. Por isso, antes de tomar qualquer decisão, sugiro esperar a poeira baixar e ver como o mercado se comporta. Com certeza novos planos serão oferecidos pelas outras operadoras muito, muito em breve.

IE Tab

Sou um entusiasta do Firefox, mas infelizmente não posso abandonar completamente o Internet Explorer.Como web designer, preciso fazer com que os sites funcionem bem, principalmente no computador dos meus clientes. E como a maioria ainda usa o IE, preciso testar os projetos nos dois browsers. No entanto acabo de baixar uma extensão muito prática para o meu Firefox 1.5 (yes, eu fiz upgrade). Com o IE Tab, você pode encaixar o IE em uma aba do Firefox. É uma ótima alternativa até conseguirmos exterminar completamente esta praga do tio Bill!

Kill Bill´s Browser

Os quatro amigos americanos Holmes, Nick, Tiffiniy, Nicholas lançaram uma grande campanha para converter os usuários do Internet Explorer para o Mozilla Firefox. Aproveitando uma campanha do Google, que está pagando 1 dolar para cada pessoa indicada por você que fizer o download do Firefox com a barra do Google, os americanos lançaram os sites Explorer Destroyer e Kill Bill´s Browser. O primeiro tem alguns scripts grátis para você colocar em seu website a fim de encorajar os usuários a mudar para o Firefox. Os scripts têm três níveis, sendo que o nível mais extremo mostra uma mensagem para o usuário do IE dizendo que ele precisa do Firefox para visualizar a página em questão, exatamente como algumas páginas exigem que você tenha o IE para navegar nelas. Quanto ao Kill Bill´s Browser é uma paródia com piadas sobre o Internet Explorer. Se você já tem uma conta no programa Google AdSense, visite o Explorer Destroyer, instale o script no seu site, faça dinheiro e ajude a difundir um browser melhor e mais seguro.

Pagerank, splog e captcha

O Google tem algo chamado pageranking, que se refere à colocação de um link específico nos resultados de uma busca. Se você busca, por exemplo, a palavra “ciberarte” no Google, o primeiro resultado da lista é a página da Ciberarte. Isso significa que este site tem um ótimo pageranking para este termo de busca. Um dos fatores que faz com que uma página tenha um bom pageranking, é a quantidade de páginas que fazem referência a ela. Quanto mais links para a sua página, maior o pageranking, quanto maior a populariadede dos sites que indicam a sua página, maior o seu pageranking também. Sabendo disso muitos usam uma tática desleal, criando centenas e até milhares de páginas, geralmente blogs, sem conteúdo legítimo, com links para as páginas que querem promover, muitas vezes de clientes, que pagam por este serviço. Essas ações são chamadas de Splog, ou seja “spam blogs”. Com o tempo os sploguers aprimoraram sua técnica e criaram softwares robôs que criavam centenas de blogs ou deixavam spans nos comentários de outros blogs, com links para as suas páginas. Há algum tempo o Google, percebendo esta epidemia, que só trás prejuízo para os seus servidores, passou a utilizar captcha (um acrônimo para “completely automated public Turing test to tell computers and humans apart”), que em tradução livre seria algo como “Teste de Turing completamente automatizado para distinguir computares de humanos”. Para simplificar: captcha é a “verificação de palavra”, quando o sistema pede para você identificar um conjunto de letras e números em uma imagem e digitá-los em um campo predefinido. No blogger, O sistema foi implantado tanto para criar um novo blog, como para deixar mensagens em outros blogs. Não freou a ação desses chatos que só fazem poluir a Internet, mas ajudou bastante. Só falta agora as outras ferramentas de blog implantarem o mesmo sistema.